domingo, 21 de junho de 2009

Minhas lágrimas

Tenho me sentindo cada vez mais só, e não falo da carência masculina, nem nada parecido e por incrível que pareça, de amigos. Eu gosto dos meus como são, respeito gostos e crenças, apesar de não concordar com MUITAS coisas! Opostos se atraem, fato. Mas opostos cansam, também. Porque não dá, simplesmente não entra no ouvido aquelas músicas com letras baixas e desreipeitosas (isso tá certo? não soou (?) bem). Eu entendo, que às vezes precisamos de um bom brega pra descansar a mente, o corpo e esquecer o mundo, mas meu ouvido não é penico pra ouvir isso como rotina. Eu tento mudar em diversos aspectos pra melhor sempre, mas ninguém me acompanha, e eu não acompanho ninguém. E depois, a chata sou eu... logo eu! Eu, que sempre ouvi tudo que não quis, que sempre sorri pra conversas fúteis, que sempre elogiei, que procuro nunca excluir. Eu, a 'culta'. Eu cansei, sabia... E tudo que eu queria, realmente, era alguém pra conversar TRANQUILAMENTE sobre o jornalismo e o diploma. E nem exijo alguém que goste de Caetano, também. "Me diga com quem tu andas que eu direi quem tu és", nunca serviu no meu caso, e eu nunca me importei, mas hoje eu queria muito andar com quem eu sou, e dizer sem medo "eu sou o que vocês são, não solta da minha mão". Só precisava dizer isso. Beijos!

____________________

com medo de tratar uma pessoa diferente porque tive uma certeza, e isso não é bom.

____________________

Meu twitter tá de mal comigo, e não quer colocar minha foto.

____________________

Estou ansiosa pra viajar.

____________________

Meu aniversário de 15 anos está chegando, o que causou grande revolta pra escrever aquilo ali em cima, porque o aniversário é MEU, e a EU escolho a merda de banda que EU quiser e gostar!

____________________

Urfa, tava explodindo! :)

____________________

E o blog também é meu, eu posso falar que vou sair, e voltar (ou não) quando eu quiser ok.

____________________

"É que eu não amo ninguém". Essa frase é feia, mas infelizmente faz muito sentido agora. E Cazuza é lindo, pra sempre.

____________________

Eu não vou mudar por causa de ninguém.

____________________

precisando falar muito, e com vergonha de quem vai ler, mas sinto necessidade que leiam.

____________________

Vou comer sanduíche do Lisboinha, porque minha mãe me ama! ♥

3 comentários:

  1. EU SOU O QUE VOCÊ É, NÃO SOLTA DA MINHA MÃO. (L)

    TE AMO MUIIIIIIIIIIIIIIITO.

    ResponderExcluir
  2. ahiuehhhauehuhaui. vei, imagino o surto que vc deve ta tendo, sentindo-se o patinho feio do mundo, diferente das pessoas q a cercam.

    Ps: sabia que não precisa mais ter diploma pra ser jornalista? :B

    ResponderExcluir

Deixe seu recado após o sinal: bep.